Capitulo 13

No Capitulo anterior

” – Ed, Obrigada por me deixar dormir aqui! ” – Ele pensou mesmo que eu tava dormindo, pois se assustou ele não respondeu nada, só ficou me olhando durante segundos.

”- De nada Minha Bells ” – Se deitou ao meu lado e ficou me encarando.

**************************************************************************

Capitulo 13 – Primeira vez

Ele ainda me encarava, mas eu não conseguia falar mais nada. Eu estava hipnotizada naqueles olhos, meu coração já disparava e eu não sabia como respirar, não sabia nem como eu me chamava, era incrível a reação do meu corpo perto dele. Ele se aproximou de mim e com um movimento rápido me puxou pelo pescoço colando sua boca na minha, sua língua pediu passagem e eu nem boba nem nada, cedi, nossas línguas se encontraram e o mesmo choque de sempre percorreu meu corpo, senti o beijo que era tranquilo ficar feroz, Edward me comia com a boca, ele subiu em cima de mim, largou minha boca e desceu para meu pescoço deixando o caminho que ele percorria com a língua pegando fogo, ele dava leves mordidas e chupadas, eu estava nervosa, não sabia aonde ele queria chegar… Ok… Eu sabia, mas eu não sei se estou pronta, eu estava super excitada com aquilo, mas muito indecisa. Será que devo contar a ele que sou virgem? Sim ou não? Melhor avisá-lo.

– “Edw..ard ” – Falei entre gemidos, ele parou e me olhou.

– ” Você não quer Bells?” – Me perguntou preocupado, mas eu não sabia se queria ou não!!! Eu sou virgem não tenho experiência nenhuma e se eu contar e ele parar, e me rejeitar, não me quiser mais??

– ” Claro que quero… Mas….” – Fiquei constrangida em ter que falar para ele.

– ” Mas o que Bells? Pode confiar em mim, me fala vai… ” – Ele pediu, colocando meu cabelo para trás da orelha e me dando um selinho.

– ” Ed, eu… Eu… Eu sou virgem. ” – Não podia fugir da realidade, mais cedo ou mais tarde se isso prosseguisse ele iria descobrir, se não me rejeitar pelo menos ele poderá ir de vagar.

– ” Bella… Eu nunca, nunca poderia te machucar, e ser virgem não é razão para se envergonhar, mas se você quiser que eu pare, não vou forçar nada Bells…” – O quê? Ele quer parar? Nem seja louco agora que estou no inferno vou abraçar o capeta… hm mas que capeta gostoso… FOCO Bella FOCO !!!

– ” Edward, eu quero sim! Mas só estou avisando… Sei que é meio infantil, mas eu tenho medo, não sei o que fazer, falar, não sei como me comportar, é totalmente novo para mim.” – Me abri para ele, me abri é modo de falar gente ok ? Ele só sorriu e voltou a me beijar.

– ” Vai ser uma honra ser o primeiro, e prometo fazer essa a melhor noite da sua vida! ”- Sussurrou ao meu ouvindo dando leves mordidas na minha orelha. Não falei mais nada, Ed começou a passar a mão pela minha barriga levantando lentamente minha blusa, senti um arrepio surreal e soltei um gemido, nunca senti nada parecido, era puro prazer e eu não queria parar, ele sentou e me puxou para tirar minha blusa, a mão dele foi para o fecho do meu sutiã e num movimento rápido e simples ele abriu, jogando a peça para o canto da barraca, ele me deitou delicadamente e ficou me olhando, fiquei totalmente envergonhada, ele não parava de olhar para mim, não ele não olhava para mim ele olhava meus seios que estavam completamente enrijecidos de tanto tesão. Ele me Olhou como se estivesse pedindo permissão eu só sorri e acho que ele entendeu como um “sim”, pois ele os abocanhou, não conseguia segurar, eu gemia, gemia muito, não aguentava mais aquela tortura.

” – Ed, por favor… não me tortura.” – Não conseguia pronunciar nada corretamente, eu já me sentia totalmente molhada, ele desceu beijando minha barriga e chegando a minha calça, ele abriu e me olhou sorrindo, segundos depois eu só estava com a calcinha que estava ensopada, não conseguia mante-lo longe sentei e o puxei para mim, agarrei seus cabelos dando-lhe um beijo feroz e quente, nervosa desci minhas mãos pelo seu abdômen e cheguei ao fecho da calça, abri, ele se separou de mim, eu gemi em resposta não o queria longe de mim, ele começou a arrancar a calça e mostrou sua linda cueca Boxer branca, que dava para ver o volume enorme se destacando, não consegui parar de olhar, eu queria arrancar sua cueca e ver o seu membro mesmo não tendo experiência nenhuma, mas antes que eu reagisse ele já estava em cima de mim me beijando, num movimento meio desgovernado subi em cima dele, roçando meus lábios em seu ouvido, era totalmente excitante ver Edward gemendo meu nome, senti seu membro maior ainda entrando em contato com a minha intimidade, que eram separados por panos, lambi, beijei e mordi seu corpo todo, apreciando cada pedacinho daquele Deus grego, num impulso Edward estava encima de mim novamente.

” – Bella… Você tá me deixando louco…” – Sorri safada, ele desceu até minha calcinha e começou a arrancá-la com a boca, eu não consegui segurar e gemi, estava com medo que alguém ouvisse, não queria que nada estragasse este momento, eu já não conseguia raciocinar, Edward saiu de cima de mim e foi até sua bolsa, não consegui acreditar! Será que ele desistiu? Ele me olhou e viu que eu estava desesperada.

” – Calma Bella, Proteção sempre!”- Falou mostrando uma camisinha, ele abriu a camisinha e eu fiquei observando tudo, colocou em seu membro desenrolando até o fim, só não sei se a camisinha era pequena ou o membro dele era muito grande, é… é… o membro dele era muito grande, e eu fiquei nervosa só de imaginar aquilo tudo dentro de mim, mas logo esses pensamentos desapareceram, Edward voltou para cima de mim, e começou a me beijar e estimular minha intimidade com uma mão e a outra acariciando o meu seio direito, eu já não aguentava mais.

” – Calma Bella, eu não vou te machucar, relaxa… acha que esta pronta? ” – Sussurrou com sua voz grossa e sexy no meu ouvido, ele estava querendo o quê? Me matar? É ele esta quase conseguindo, eu quase gozei.

” – Sim esto pronta!” – Ele me deu mais um beijo carinhoso e sentou entre minhas pernas, e abriu colocando a cabecinha do “Edzinho” na minha entrada, ele começou a me penetrar lentamente sempre perguntando se estava doendo, eu tentava mentir, mas estava na cara que eu estava com dor, depois de mais umas entradas e saídas a dor foi substituída por um prazer inigualável, um prazer que nunca senti na vida, nada se comparava ao que sentia, a dor valeu apena, ele aumentava o ritmo.

” – Bella… ” – gemia meu nome, a velocidade das estocadas mudaram, eram curtas e rápidas e logo depois eram profundas e lentas era algo que estava me deixando louca.

” – Ed… eu… vou ” – Não consegui falar que ia gozar, meu corpo se contorceu, minhas pernas tremiam era o meu primeiro orgasmo e com o  homem mais perfeito do mundo, senti Ed aumentando as estocadas e seu corpo tremer e desabar sobre mim, ficamos em silencio por um tempo com ele ainda dentro de mim, Edward deitou do meu lado saindo de dentro me mim, me puxou e deitei sobre o peito dele que ficou fazendo carinhos em mim.

” – Isso foi… ” – Decidi quebrar o silencio, mas não conseguia achar a palavra correta para expressar, acho que não existiam palavras…

” – Especial, gostoso, show, tudo de bom, fodástico… Foi tudo de bom… Nada do que eu tenha sentido antes. ”- Completou o que eu comecei a falar.

” – Acho que essas palavras são poucas para expressar o que aconteceu, simplesmente não tenho palavras. ” – Falei levantando a cabeça e olhando para ele que tinha um sorriso torto no rosto, ele afagou meu rosto.

” – Durma minha Bells, durma!” – só me lembro de ter posto minha roupa e apagado nos braços de Edward.

Acordei cansada, sentia uma dorzinha na minha intimidade, mas nada que fizesse me arrepender do que fizemos, olhei para o lado e Edward dormia feito um anjo, aproximei dele e depositei um beijo em sua boca, e sai da barraca, meu irmão era o único acordado e com o NoteBook na mão.

” – Emm o que faz acordado a essa hora?” – Perguntei meu irmão geralmente acordava tarde, mas ele não me olhou, seus olhos estavam fitados no “Note”, resolvi me aproximar dele para saber o que estava acontecendo.

” – Emm porque você tá assim maninho? ” – me sentei ao lado dele, acho que eram umas sete horas da manhã, ele me olhou e sorriu, mas foi aquele sorriso que dá para saber que é alguma loucura.

” – Eu acabei de achar um blog que ensina isso!” – Ele me mostro o notebook uma página que estava escrito com letras grandes ” 5 Coisas para Fazer no Meio do Mato”, tentei ler os itens mas ele puxou o notebook.

” – Vai ser surpresa maninha, nem adianta insistir que não vou te contar, e um dos itens você não pode fazer já eu posso, e vou fazer com a Rose, e você não pode fazer porque você é virgem e não tem namorado!” – Se levantou e foi sentar longe de mim, estaquei na hora que ele disse que eu era virgem, só se for virgem Maria, porque eu perdi a minha ontem, pensei para não falar. Fui até a beira da cachoeira para escovar os dentes e lavar o rosto, eu estava querendo tomar um banho mas a água estava muito gelada, então resolvi deixar para depois, eu ainda sentia o cheiro dele em mim. Quando voltei para perto das barracas vi Edward puxando Irina para o meio do mato, será que ele vai terminar com ela? Ou só me usou ontem à noite? OMG me ajude, ele não pode ter só me usado ontem! Foi algo a mais, vamos esperar para ver.

POV Edward

Acordei e Bells já não estava na barraca, me troquei e como já estava decidido de terminar hoje com Irina, sai da minha barraca e vi Emmett sentado longe, e Bella escovando os dentes na cachoeira. Vou aproveitar agora para acabar com todos os nossos problemas.

Fui até a barraca de Irina e por minha sorte ela estava saindo.

” – Temos que conversar ” – Falei direto ao ponto, com a voz fria e sem humor, ela arrumou a roupa e veio para me abraçar, eu segurei seus braços.

” – Nossa amor, cadê meu beijinho? ”- Olhei para trás e vi que Bella já estava terminando e se ela me visse aos beijos com Irina, ela não iria me perdoar nunca.

” – Vem, quero falar com você, vem…” – a puxei para dentro da mata, andamos um pouco e paramos, soltei seu braço e virei de costas.

” – Hum, amor que safadinho, no mato mesmo? ” – “Caraio” como eu vou falar para ela que quero terminar? E que mente perva ela tem, eu nunca mais quero fazer nada com ela, só quero a Bella.

” – Não… Só escuta, eu não quero mais você, me desculpe, mas eu não quero mais, não dá, eu não te amo.” – Se eu não tivesse tão decidido em ficar com Bella eu teria tido dó de Irina, ok eu teria tido dó a 5 segundos atrás se ela não estivesse me batendo.

” – É Por causa daquela feiosinha? A eu vou matá-la ” – Irina bufou e saiu correndo, o que a doida ia fazer ? Corri atrás dela e segurei seu braço.

” – Não é por causa… ok… não posso mentir mais, eu amo a Bella desde sempre e não posso ficar com você com ela de volto à minha vida!!! Aceite, e nada dessa ideia infantil de tirar satisfação com ela,porque ela não tem culpa de nada! ” – Segurava forte o braço dela, ela me olhou com raiva e bufou.

” – Ed eu te conheci primeiro…” – Implorou ela quase chorando.

” – Errada, Bella me conhece desde sempre, desde quando éramos criança, só nos separamos há 4 anos quando tive de ir embora contra minha vontade, se eu pudesse nunca a teria a deixado, amo a Bella desde sempre… Só tenho que me desculpar por ter iludido você, mas não quero mais ficar longe da Bella e nem te enganar. ” – Não tinha mais como negar, eu não quero mais ela, mas os olhos dela estavam repletos de ódio e raiva, ela se virou e saiu correndo, fiquei sem reação por uns minutos, mas logo fui atrás dela.

POV Bella

” – Alice não rolou nada ontem ” – Era a quadragésima quinta vez que eu negava para ela, mas como amiga ela sabia que eu estava mentindo, mas não me dei por vencida, neguei e vou negar até o fim.

” – Há há há  Bella duvido que você e o Ed não tiveram nada!!Nem um beijinho? A Dona Isabella Swan você não me engana com essa carinha de santa… Você está com uma cara de safada Bella!” – Alice ia tentar arrancar novamente alguma informação de mim, quando de repente eu vejo a encapetada saindo correndo do meio do mato, ui deu um calafrio, parece aqueles filme de terror.

”- EU TE MATO!!!! ” – Acho que minha dúvida estava correta! É um filme de terror e o demônio tá vindo na minha direção. Logo atrás do demônio vem um anjo correndo, quase esqueci que a encapetada tava vindo em minha direção quando o vi, como sempre LINDO, mas fui tirada dos meus pensamentos por uma encapetada sendo barrada por meu irmão.

” – Ei Demoniada, o que pensa que tá fazendo levantando a mão para minha irmã? ” – Gritou meu irmão segurando a mão da louca, cara ela ia me bater mesmo? Nossa essa louca está perdendo a noção do perigo!!! Não contei mais eu sou faixa PRETA em KARATÊ!

” – Me solta seu nojento, eu quero resolver é com ela… ” – Irina gritava apontando para mim e se mexia tentando escapar dos braços de Emmett, Edward chegou e a puxou.

” – Para… A-C-A-B-O-U, já disse que não é culpa dela, eu não tenho motivos para ficar com você Irina, meus sentimentos falam mais alto do que seus gritos infantiis. ” – Então agora eu sei porque ela queria me bater, Ed terminou mesmo com ela, mas ela não aceitou e veio descontar em mim.

” – O que está acontecendo aqui? ” – Perguntou minha mãe, que saiu toda descabelada da barraca de Carlisle… o que os dois estavam fazendo? Omg nem quero pensar. Eca!

” – Mãe o que você… sua boca tá… Mas não está acontecendo nada aqui, só tem essa louca dando pitti. ” – Apontei para Irina que se debatia no braços de Edward, e tentei tirar a ideia de minha mãe de surruba com Carlisle. ECA²

” – Não tá acontecendo nada? Então o que é isso? ” – Perguntou ela apontando para a encapetada e ao mesmo tempo tentava ajeitar a boca que tava vermelha, oh véia safada tava dando uns pega no Carlisle.

” – Nada? Você tem certeza que não aconteceu nada? Meu namorado acabou de terminar comigo!! ” – Gritou ela

” – E o que eu tenho a ver com isso? ” – Perguntei.

” – Ae Edward abriu os olhos Brow ! ” – Meu irmão deu um tapinha no ombro de Ed.

” – A Culpa é sua, sua demente ” – Esgoelou ela ainda se debatendo.

” – Atá, eu usei meu poder de hipnose para fazer o Edward terminar com você!! Esqueci de comentar… sou vampira! A me dá um tempo Irina, não tenho culpa de ele ter terminado com você, se toca. ” – Dei as costas e sai dali.

” – Eu vou… @#$#%$#@%#$%¨#$!$%&¨&$#!!@#!#%*(*#$… ” – Ela ainda gritava, mas tapei meu ouvido.

POV Emmett

” – Nossa espera ai um minuto gente… ” – Sai correndo e fui catar a copia de um diário do pai dos Winshester que eu comprei pela internet, me garantiram que foi escrito por ele mesmo, catei e voltei para junto da galera.

” – Emm o que é isso em sua mão ” – Perguntou Rose apontando para o diário.

” – É o Diário de Johm Winshester, mas espera… Edward segura ela que eu vou fazer o exorcismo. ” – me ajoelhei no chão e comecei a procurar a página, eu tinha me preparado para essa viajem, fui folheando até que achei.

” – AQUI!!! – Gritei, e fiquei de pé ” – SAIAA DESSE CORPOO!! ” – Coloquei a mão na cabeça da possuída. ” – SAIA DESSE CORPO QUE NÃO TE PERTENCE… SAIIAAAAA… SAIIAAAAA DEMONIOO!

” – PARAA COM ISSO SEU DÉBIOMENTAL! ” – O Demônio insistia em ficar no corpo da menina!!

” – Vou falar pela última vez… SAAAIAAAAAA DESSEEEEEE CORPOOO ” – Cara não tá dando certo, vou ter que tomar decisões dramáticas. ” – TOMAAA ” – Taquei o diário na cabeça da encapetada, foi tiro e queda, cara o diário funciona ela caiu no chão e eu comecei fazer a dancinha da vitoria. ” – EU CONSEGUI !!! o/ ” – Gritei jogando as mãos para o alto. Todo mundo me olhou com cara de espantados… É eu sei que eu sou foda! Mas porque eles estão indo acudir a possuída?

” – Filho ela não estava possuída… Você… Você poderia te-la machucado. ” – cara minha mãe tá ficando possuída também? Mãe eu te amo, mas vou ter que tomar a mesma medida dramática, não pensei duas vezes peguei o diário e já tava tomando distância para arremessar quando alguém puxa da minha mão o diário, virei para ver quem era e era minha irmã que me olhava espantada.

” – Emm você ia acertar a mamãe? ”

” – Claro que… Que… Não! ” – Porque todo mundo tava me olhando como se eu tivesse feito algo errado? Eu sempre faço as coisas certas e eles me olham assim, eu odeio isso!

” – Ok vou levar Irina para a barraca…” – falou Carlisle pegando a doida no colo e levando para a barraca dela. Mas o que ele tava fazendo? Tem que queimar o corpo! Será que ele não assiste sobrenatural?

” – Carlisle, temos que Queimar o corpo! ” – Todos me olharam novamente, cara o que é? Só tô tentando proteger minha família.

” – Emm vem, você anda assistindo muito Sobrenatural, cara ela não é nenhum espírito ” – Minha irmã tava louca? Só pode né!

” – Mana eu consegui fazer o exorcismo… ”

” – Se você chama dar uma livrada de exorcismo… ” – Ok, não foi bem um exorcismo, mas é que eu tô meio rouco e a voz não saiu direito e eu não pronunciei as palavras corretamente. Depois disso fomos arrumar algo para comer, logo a demônia já estava de pé e ficava me fuzilando com os olhos.

POV Bella

O Resto do dia foi normal, almoçamos e andamos pela mata, sempre que dava Edward me prensava nas árvores e lá dávamos altos amassos, sempre me provocando sussurrando palavras que me deixavam totalmente envergonhada e dando indiretas, mas ninguém sabia que estávamos “juntos”, Fomos tomar um banho na cachoeira.

” – Emm aonde você vai? ” – Perguntei quando o sinistro do meu irmão saiu da água e foi em direção a sua barraca.

” – Ah vou pegar meu Xampu!! ” – Não sei porque mas ele estava todo feliz, minutos depois ele voltou com dois frascos na mão, xampu e condicionador.

” – Emm empresta o seu para mim ” – Pedi para meu irmão que entrava na água, o meu tava na barraca e para que eu ia lá buscar se meu mano podia me emprestar.

” – NEM MORTO!!! É A NOVA COLEÇÃO DA JOHNSON’S BABY, SE TOCA MANA SE EU EMPRESTAR PARA VOCÊ VAI ACABAR!!! ” – O egoísta me mostrou os frascos que estavam lotados, eram praticamente novos e ele rejeitado um pouquinho para mim, os frascos tinham a tampa de orelhas do Mickey, já nem queria implorar para meu irmão, sai d’água e fui em direção a minha barraca, peguei meus pertences e estava voltando para a margem da cachoeira quando ouço…

”- Olha só como se tira o nó… Olha só como se tira o nó… Primeiro faz um nó, juba de leão, boné, cortina, punk, coqueiro, roqueiro… Depois enxagua o nóóóóóó´ Chuáaa… Fechar tuin tuin….Secar Tcha tcha tcha.. Macio como a mão da mãe da gente… Passa o pente sem parar… Nó, Nó, Nó.” – Meu irmão cantava ensaboando os cabelos, ele não cantava, ele GRITAVA, todo mundo ficou observando ele, não perdi tempo, corri peguei a filmadora dele e comecei a filma-lo cantando a musiquinha da Johnson’s Baby. Ninguém conseguiu segurar, todos gargalharam, meu irmão notou que era o centro da atenção e começou a se afundar na água, aproveitei para zoar, só para ele parar de ser egoísta. Corri até o local que estava o xampu e o condicionador, e peguei antes que Emmett voltasse a superfície, minha mãe percebeu o que eu estava fazendo e me lançou um olhar reprovador, ela sabia que Emm ia pirar se perdesse… Por acaso… Ou sem querer seus… Produtos. Eu sorri para ela e sai correndo…

POV Emmett

Puta merda nem percebi que me empolguei cantando, mas essa musica é a minha favorita, ela não sai da minha cabeça, Olha só como se tira o nó… Olha só como se tira o nó… Primeiro faz um nó, juba de leão, boné, cortina, punk, coqueiro, roqueiro… Depois enxagua o nóóóóóó´ Chuáaa… Fechar tuin tuin….Secar Tcha tcha tcha.. Macio como a mão da mãe da gente… Passa o pente sem parar… Nó, Nó, Nó.”  mas logo percebi que estava pagando mico e me afundei na água, fiquei debaixo d’água até quando precisei de ar, por minha sorte ninguém me olhava mais, então resolvi vazar dali antes que me desse mal, fui até a pedra que tinha deixado meus…

” – ME ROUBARAM! CADÊ MEU XAMPU E CREME? EU VOU REVISTAR UM POR UM, E QUANDO EU ACHAR VOU ENFIAR AONDE O SOL NÃO BATE… OU SEJA NO C* DA PESSOA!!! ” – Gritei para que o desgraçado que roubou estendesse o recado e devolvesse, cara a pior coisa que fizeram foi mexer no meu xampu da Johnson’s baby, olhei para todo mundo que estava ali, todos eram suspeitos, James e a gostosinha da lauren estavam se pegando, então logo descartei, Alice tava nas costas de Jasper e os dois me olhavam assustados por causa dos meus berros, Rose veio ao meu lado e pediu para eu fazer a coisa mais impossível no momento… ME ACALMAR, as Denali penteavam o cabelo, Edward estava sentado com minha mãe que por sinal tinha cara de que sabia de alguma coisa, olhei ao redor e vi Carlisle e Jacob mexendo na futura fogueira, mas tava faltando alguém…

” – ISAAAAABELLAAAAAAA MAARIIEEEEEE SWAAN” – Gritei a Desgraçada, invejosa, pilantra, ladra, ela fez isso só por que eu não emprestei para ela, ah mais ela me paga, olhei para dentro da cachoeira e vi que ela estava lá, geralmente a gente vai lá para poder ficar sem roupas íntimas, e já sei minha vingança.

Nadei o mais rápido que pude, todos me olhavam esperando por uma explicação, mas nem liguei para eles, afundei na água e vi as roupas íntimas da futura defunta em cima da pedra, mas não a vi, nem pensei duas vezes peguei e sai de lá, quando voltei perto deles, eles ainda esperavam um resposta, só dei um sorriso malicioso e pisquei, até que ouvi um berro.

POV Bella

” -AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHH” – Gritei quando percebi que minhas peças intimas não estavam ali, fiquei desesperada, pois estava nua.

” – Bella o que tá… ” – Edward veio em minha direção, mas parou de falar quando percebeu que eu estava NUA, constrangida me afundei na água até o pescoço, Ed ria.

” – Como se eu já não tivesse visto isso antes ” – Ironizou ele, dando um sorriso torto e passando as mãos pelo cabelo.

” – Visto o que Edward? ” – Olhamos para trás e vi que minha mãe estava ali, eu parei de respirar, edward estava com os olhos arregalados.

” – Como se eu nunca tivesse visto… visto… o Emm fazer essas c-coisas! ” – Edward inventou uma desculpa descaradamente, me virei para olhar e todos já estavam ali, menos… ninguém mais ninguém menos que meu irmão.

” – EMMETT SWAN, TRAGA MEU BIQUINE AGORA!!!!! ” – Gritei para ver se o cabeçudo ouvia, todo mundo já tinha percebido o que ele fez comigo e começaram a rir.

” – Emmett não trás não, eu quero ver a Swan sair daqui assim…” – Falou o idiota do Jake sentando no chão como se ele falasse: não saio daqui tão cedo-.

” – SE TOCA MENINA, OU SEI LÁ O QUE VOCÊ É COM ESSA JUBA AI NA SUA CABEÇA DE COSTAS PARECE COM A TIA LULU, MAS VOLTANDO AO ASSUNTO, VOCÊ NUNCA VAI VER BELLA ASSIM !!! ” – Gritou Edward entre os dente, ele estava visivelmente nervoso e quase avançou no “da chapinha”.

” – Não sai daqui Bella eu já volto em dois minutos ” – Falou e saiu da onde estávamos, todos me olhavam, será que eles estavam com espectativa deu sair nua? Há há sonhem!

” – Vocês poderiam dar licença para a Bells ? ” – Alice viu meu olhar e tomou a palavra por mim, logo só estava eu e ela ali, [NOTA MENTAL : Bater Emmett com um gato morto até ele miar ou ele ficar esperto = Matar ele até a morte] logo Edward chegou com uma camiseta dele e uma bermudinha minha, peguei de suas mãos e coloquei, ainda dentro d’água, afundei para arrumar a camiseta e o short, quando submergi só Edward estava ali.

” – Seu irmão achou o xampu dele” – falou rindo, vindo me abraçar, joguei meus braços por cima de seus ombros e agarrei seus cabelos trazendo-o para mais próximo de mim, era incrível como não conseguia ficar distante dele, cada momento que o via queria beijar e abraçar, ele entendeu o que eu queria e agarrou minha cintura, beijei delicadamente do queixo ao ouvido dando leves mordidas, Edward desesperadamente me beijou, ficamos por um tempo apreciando o beijo e logo nos separamos buscando ar, ele pegou minhas mãos e saímos nadando até a margem. Subi e fui para minha barraca, que era ainda a barraca do Ed, a minha não dava para entrar estava fedendo, me enxuguei e troquei de roupa, já era tarde e como ontem fomos sentar em volta da fogueira!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: