Capitulo 15

Capitulo 15 – Eu Sempre quis ter um desses.

Arrumamos nossas coisas e nos reunimos para fazer nossa caminhada até o ônibus e depois retornar para a cidade. Carlisle avisou que não iria ter paradas no caminho com o ônibus, sem parar chegaríamos ainda hoje em casa.

” – Então estamos todos prontos, vamos ? ”- Minha mãe perguntou, levantei como todos, mas notei algo estranho… senti falta de algo.

” – CAD? O EMMETT? ” – Gritei perguntando para todos.

” – OIA EU AQUI!!! – Gritou ele de volta saindo do meio do mato com sua bolsa.” – Prontinho podemos ir” – Correu e enlaçou a cintura de Rose.

” – Vem amor” – Edward pegou minha mão, é agora nós estávamos mais íntimos e ele me chamava de amor.. não conseguimos mais ter relação sexual desde nossa primeira vez… não que não quissemos mas parecia que nunca ficávamos a sós. Caminhamos juntos de mãos dadas, Emmett estava meio desnorteado e parecia que a bolsa dele era relíquia pois ninguém podia tocar nela e, ele estava todo cuidadoso com a tal bolsa… AI TEM!! Depois de uma grande caminhada chegamos ao ônibus. Sentei aonde vim, Emmett ia sentar ao meu lado mas Edward sentou, ele bufou.

– Emm, mano não fica assim, eu te amo…

– ? MAIS AGORA VOC? E SEU NAMORADINHO N?O SE DESGRUDAM!!! – Emm tava visivelmente enciumado.

– Nossa amor, você ia ficar com sua irmã? E eu? – Ri da cara que o Emmett fez.

– Ahm… foi mal mana, esqueci que agora temos outros tipos de compromissos. – Sorriu largamente para mim, eu assenti ele sentou com Rose.

– Bella, tô tão feliz de ter você ao meu lado… meu sonho se realizou, você não sabe quanto tempo eu esperei por isso, senti seu corpo perto do meu, seus lábios nos meus. – Cara ele queria me fazer chorar? Tava conseguindo. Não respondi, só me inclinei e o beijei.

– Eu te amo, e tomo suas palavras como minha. – Sussurei em seu ouvido.

– Eu também te amo princesa. – Edward deitou em meu colo e fechou os olhos, ele era tão lindo, nunca me cansaria de olhar para ele, comecei a mexer em seu cabelo, fazendo cafuné, Edward dormiu e seu semblante era feliz, me inclinei e beijei sua testa, bochecha, nariz, e por fim seus lábios. Ele tinha o melhor gosto que já senti, nada se comparava a ele. O Sono me pegou e acabei dormindo… Sonhei que estava na floresta e Edward estava na minha frente.

– Nós temos que ir embora…. – Ele falou sério.

– Vou inventar uma desculpa para Charlie. – Mas ele ainda continuava sério, sem emoção. (Mas eu sabia que algo tava errado… Charlie tinha morrido)

– Quando você diz nós?

– Eu e minha familia.

– Edward, o que aconteceu ontem não foi nada.

– Nada comparado ao que eu sempre esperei, nada comparado com o que podia ter acontecido.

– Edward eu vou com você.

– Não Bella, você não pertence ao meu mundo.

– Meu Mundo é ao seu lado…

– Bella, você não é boa o suficiente para mim. – Senti meus olhos enchendo de lágrimas, não era possível, ele falou que me amava e agora simplesmente me larga?

– Não sou boa o suficiente para você! Você não me ama mais?

– Bella, eu não te amo, mas se não for muito… posso te pedir uma coisa? – Não respondi, minha voz não saia, somente balancei a cabeça um “sim”.

– Não faça nada imprudente, para o bem de Renée, e em troca eu te prometo nunca mais aparecer em sua vida… vai ser como se eu nunca tivesse existido. – Ele se aproximou de mim e beijou minha testa e segundos depois desapareceu…

## FIM DO SONHO ##

….

POV Edward

Bella estava inquieta no banco, não parava de resmungar.

– EDWARD N?O POR FAVOR VOLTE! – Ela falou e Abriu os olhos, olhei para ela e vi que chorava.

– Bella, calma… – Ela me olhou e me abraçou.

– Ed… promete nunca me deixar?

– Eu prometo Bellla – Ela virou o rosto para mim e sorriu, me aproximei dela e beijei seus lábios carnudos e sedosos, com o beijo mais terno que consegui, tentando mostrar com isto todo carinho e amor que sinto por ela.

O Resto da viagem foi tranquila, a não ser por um cara alto chamado Emmett que ia ao banheiro de 30 em 30 minutos, e sempre com sua mochila.

Descemos em frente ao nosso prédio, Carlisle foi devolver o ônibus no local onde ele alugou, Reneé foi junto. Emmett nem nos esperou e já correu para dentro…

Puxei Bella pelas mãos para dentro do elevador, vi os outros entrando conosco, Irina não parava de encarar Bella, eu quase ri quando Bella sorriu para Irina e me beijou, o elevador abriu e fomos para nossos apartamento.

– Ed, vem comigo amor. – Bella pediu me puxando para dentro do apartamento dela.

POV Bella

Não suportava mais ficar longe do Ed, queria ele comigo, então aproveitei que minha mãe não estava em casa e o convidei para entrar no meu apartamento.

– AAAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHHH – Gritei quando vi Emmett correndo atrás de um gambá, é isso mesmo um GAMB?, o mesmo infeliz que entrou na minha barraca.

– Oh Meu Deus. – Edward se espantou na hora que viu a cena bizarra do meu irmão correndo atrás do bicho fedorento.

– EMMETT SWAN, O QUE ? ISSO? – Gritei irritada por ver os dois animais correndo pela sala.

– ?eer…eu acho que é um gambá mana…mas tô meio confuso, pode ser um tamanduá corinthiano… – Não aguentei fui até ele e dei um tapa na cabeça dele.

– Seu idiota… como você trás um animal desses pra cá? Ele peida Emmett! – Gritei com ele.

– E isso é legal né? Podemos fazer uma Dupla, Emm e Naldo.

– Naldo? – Perguntei confusa, meu irmão sorriu e veio até mim.

– Sim, Naldo é o apelido que dei pro Ronaldo. – Falou sorrindo. Agora que não tô entendendo nada mesmo.

– Quem é Ronaldo merda? – Perguntei entredentes já nervosa, quase pulando no pescoço do animal, é o animal do meu irmão tá!

– Ronaldo é o gambá sua burra… SEMPRE QUIS TER UM DESSES. – DO QUE ELE ME CHAMOU?

– SEU IDIOTA, 1?EU N?O SOU BURRA, E 2?ESSA PORRA NOJENTA N?O VAI FICAR AQUI EM CASA E 3?PORQUE O NOME DELE ? RONALDO?.

– CLARO QUE ELE VAI FICAR AQUI EM CASA E COLOQUEI O NOME DELE DE RONALDO PORQUE ELE ? PRETO E BRANCO, TIM?O FEIOSA, CORINTHIANS!!! – Se eu ouvisse mais alguma merda da boca de Emmett eu o matava.

– Emmett vou falar sério, vou para meu quarto e quando voltar não quero mais ver esse animal aqui, entendido? Nem responda, só faça o que mandei! – Falei e puxei Edward pela mão para meu quarto, ele não falou nada desde quando entramos no apartamento, entramos em meu quarto fechei a porta e passei a chave.

– Agora tá na hora da minha vingança… – Sussurei no ouvido de Ed, senti ele se arrepiando, ele ia me pagar por todas as coisas que sussurrava em meu ouvido toda vez que me atiçava na floresta.

– Bells você está muito tarada amor. – Falou ele com um sorriso malicioso no rosto, mordi o meu lábio inferior tentando fazer uma cara sexy, que acabou deixando-o louco, pois a atitude dele foi feroz, me puxou para mais perto de si e me beijou, comecei a empurrá-lo para minha cama, ele caiu nela e ficou me olhando com luxúria, deitei sobre ele e desabotoei sua camisa, Edward aproveitou para tirar o tênis e minha blusa, depois de minutos já estávamos só com nossas roupas íntimas. Estávamos nos beijando ardentemente, me separei de Ed e desci até usa cueca.

– Ei amor perdeu algo por ai? – Ele perguntou quando descobriu o que eu estava querendo.

– Sim, mas acabei de encontrar. – Coloquei minha mão dentro de sua boxer e tirei seu membro para fora, o meu toque fez Edward gemer, e isso só me deu mais coragem para continuar, abocanhei seu membro, chupando e mordendo, Edward urrava meu nome. Edward gozou fora da minha boca, depois de recuperar o folego ele me penetrou, fizemos amor gostoso, e acabamos dormindo.

Acordei com alguém esmurrando minha porta.

– BELLAAA, BELLAAAA!!! – Reconheci a voz de Alice, olhei para o relógio encima do criado-mudo e vi que eram 20h42, Edward acordou assustado com o barulho e gritos de Alice. Me levantei e peguei a primeira camisa que vi pela frente, olhei para cama e vi Edward se sentando e esfregando os olhos. Abri a porta.

– O que foi Alice? – perguntei ao ver que ela estava em estado de choque, atrás dela estava Rose, Jasper, Emmett, mamãe e Carlisle.

– Bella, é o Edward, ele su… – Juro que tentei, mas não consegui, comecei a gargalhar, todos me mandaram um olhar desaprovador, Alice me olhou dos pés a cabeça. – Ok, já sei quem o sequestrou… – Ruborizei ao ver que estava vestindo a camisa de Edward, Alice soltou uma risadinha, sem pensar fechei a porta na cara dela, fiquei parada encostada na porta.

– Calma Bells, somos adultos não precisa se preocupar, agora vem cá… – Ed me puxou abraçando-me, beijei seus lábios, mas fomos interrompidos por mais batidas na porta.

– PODEM PARAR DE PROMISCUIDADES AI !!! – Emmett gargalhava, tentei ignorar, mas era impossível, Emm ficou socando a porta e os outros riam alto, fui puxada para o banheiro, Ed e eu tomamos um banho e nos trocamos, Emmett gritava piadas lá de fora, saímos do meu quarto, estavam todos sentados no sofá da sala, e Emmett com seu gambá.

– Olha Bells, agora que o Ronaldo vai morar aqui com a gente, vocês tem que controlar seus hormônios, não quero que meu mano aqui. – falou passando a mão no gambá. – fique traumatizado. – nem dei bola, Edward soltou minha mão e foi sentar no sofá, eu fui para a cozinha e peguei um refrigerante e bebi, voltei para a sala.

– Bom nós já estamos indo. – Carlisle e minha mãe falaram, pegaram suas malas e nos despedimos, logo depois que eles saíram eu virei para meu irmão e disse:

– PODE TRATAR DE SUMIR COM ESSE BICHO!! – Apontei o dedo para ele, e o vi tremer.

– Nossa Bella, ele é tão fofix. – Rose falou, éca! quem acha um gamba fofo levanta a mão!!!

– Tenho uma ideia. – Alice começou a quicar e bater as mãos.

– Qual? – meu amorzinho perguntou.

– Que tal uma troca de apartamentos… Bella não quer gambá, Rose e Emmett querem, então Emmett se muda para o apartamento de Rose.

– E eu? – Jasper se meteu no meio da conversa.

– Ai entra a melhor parte… – Alice sorriu maliciosamente. -…você vem para o meu.

– Tá, e eu durmo no corredor? – Edward passou as mãos pelo cabelo carrancudo.

– Não maninho, você vem morar aqui com a Bella… – Edward que estava de cara fechada, deu um sorriso torto.

– Por mim tudo bem. – Jasper falou.

– Perfeito. – Rose disse.

– OK, feito… – eu conclui, ia ser melhor para mim, ia me livrar de dois animais (Emmett e Ronaldo) e dormir todos os dias com meu amor. PERFECT!

Depois de Emmett catar todas suas coisas, Ed trouxe as suas, Emmett e Rose, Jasper e Alice, foram para seus apartamento, deixando eu e Ed a sós, “MEU DEUS, OBRIGADA POR SER T?O GENEROSO” agradeci ao Pai na hora que estávamos nos trocando para dormir, deitei em minha cama e Edward fez o mesmo, eu estava com minha camisola de seda e ele somente de cueca boxe vermelha, totalmente sexy.

– Boa noite amor… – claro que ia ser uma boa noite, com ele aqui comigo o que não ia ser bom?

– Boa noite amor. – Me aconcheguei ao seus braços e apaguei…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: