A melhor tia do mundo

One Shot

Estava eu, lá, escrevendo mais um super capitulo de Sorry me, de repente o pestinha do meu sobrinho e da um puxão no  meu braço.

– TIAAA EU QUERO NESCAU! – Berrou no meu ouvido.

– João, da licença, to escrevendo aqui. – O empurrei com meu cotovelo.

Continuei escrevendo, mas tudo que é bom dura pouco…

– Tia por favor. EU.QUERO.NESCAU!

– Merda João, a tia já disse que já já eu faço.

– Mas eu quero AGORA! – Deitou no chão e começou a fazer bira.

– Que porra João! – Resmunguei socando o ar.

– O que você disse? – Ele levantou do chão e me encarou boquiaberto.

– Eu disse, bora João! – Tentei engana-lo, sorri largamente.

– Você disse PALAVRÃO, eu vou contar pra vó.

Eu estava fudida. Se ele contasse para minha mãe, eu ficaria sem pc pelo resto da semana.

– Vamos fazer um trato, que tal?

– Depende… o que eu ganho?!

Maldita hora que eu fui ensinar ele a subornar.

– Eu faço Nescau para você e você não abre a boca pra contar o que eu falei, Fechado?!

– Só se depois você me der um daqueles seus lápis de cor…

– Merda João… – Ele fechou a cara. – Tudo bem, tudo bem, vem logo…

Sai da cadeira do pc e o arrastei para a cozinha.

– Nescau… – Virei duas colheres de Nescau no copo de leite. – João, pega o açúcar.

– Qual dos dois é o açúcar? – Ele perguntou.

– Deve ser esse… – Nem olhei para a porra do recipiente, eu sabia que era o branco e aquele era o branco.

– Me-me-me-mexe, me-me-me-mexe, mexe, mexe, mexe, mexe, mexe, mexe… – Comecei a cantar, enquanto mexia com a colher.  João começou a rebolar, eu arregalei os olhos. – Porra joão, só eu posso dançar assim…

– Por quê? Eu também posso!

– João, só quem dança assim é mulher… – Dei um tapa na cabeça dele. – Toma, pode tratar de tomar tudinho…

Ele deu um sorrisão e virou o copo.

– Ew! Ta ruim!

– Puta merda! Pode tomar TUDO!

– Ta ruim tia!

– João pedro, você pode tratar de lamber o açúcar dessa merda, pow você me atrapalhou, eu tava escrevendo e tipo…  VOCÊ ME ATRAPALHOU.

– Mas tia…

– Mas nada, vira tudo!

Ele tapou o nariz e começou a beber o Nescau. Seus olhos estavam lacrimejando.

– Não quero mais!

– Merda, da aqui que a tia toma então.

Eu não ia deixar ele jogar fora, e além do mais, eu estava com um pouco de vontade de tomar nescau.

Peguei o copo da sua mão e virei…

– PUTZ TA SALGADO!!! – Cuspi tudo na pia.

[…]

– O que será que o João comeu que ele não sai do banheiro?

– Eu lá vou saber Josi – Dei de ombros, não seria legal eu contar o que ouve pra minha irmã.

– Vóoooooooooooo! – Olhei para a porta e vi meu sobrinho com um olhar do mal. – Eu tenho uma coisa pra te contar, Eu tenho uma coisa pra te contar, Eu tenho uma coisa pra te contar – Começou a cantarolar.

– O que amor? – Minha mãe o puxou para seu colo.

– Sabe… – Ele sorriu pra mim. – A tia… falou um palavrão.

Ok, não vou contar o resto da historia, pois seria muito, mas muito constrangedor eu revelar que minha mãe me passou um sermão…

Mas nem ligo quem saiu perdendo foi ele, já é a quarta vez que o vejo indo no banheiro. Háhá!

Háhá!

x_X_x

E ai o que acharam?!

Querem mais??

Então deixem Comentários!! :D

  1. Qe Tiia boazinhaa voocê éém Caah.
    Bjoo

  2. Nossa devia estar uma delícia esse nescau, né? Coitado.

  3. Tadinhooo!

    Me diverti! (:

  4. vc é muito má…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: